COMPARTILHEM NAS REDES SOCIAIS...

image Portal do Controle SocialREDE – Sugere uma teia de vínculos, relações e ações entre pessoas e organizações. Se tecem e se dissolvem continuamente em todos os campos da vida e das relações. Impulsiona diálogo, definição, organização, conflito, desequilibração, diálogo, definição. Reconhecimento da incompletude e necessária complementaridade entre atores.

Rede é uma articulação política entre pares que, para se estabelecer, exige:
– reconhecer (que o outro existe e é importante);
– conhecer (o que o outro faz);
– colaborar (prestar ajuda quando necessário);
– cooperar (compartilhar saberes, ações e poderes) e
– associar-se (compartilhar objetivos e projetos).
Estas condições preliminares resultam, respectivamente, em autonomia, vontade, dinamismo, multiliderança, informação, descentralização e múltiplos níveis de operacionalização. (OLIVEIRA, 2001) – REDE INTRASSETORIAL # REDE INTERSETORIAL

Construção e sustentabilidade das redes…

Como tornar isso real?
– Formação profissional/cultural
– Objetivos comuns que promovem o encontro de saberes e subjetividades – cada campo se questionar sobre o lugar a partir do qual está autorizado a intervir.
– Território : lugares onde se encontra um porto, um lugar onde cada sujeito estabelece seus pontos de ancoragem,
apoio e relações – “ Um território é composto de fixos e fluxos”.
Antonio Lancetti
– Comprometimento e disponibilidade – satisfação e não obrigação
– Acreditar…

Fonte: Gerando Saúde Mental 2008